Brasileirão 2019 / análise 3ª rodada: Fernando Diniz renova debate do futebol brasileiro com virada do Fluminense em cima do Grêmio.

Brasileirão 2017 começa com uma boa média de três gols por jogo, uma chacoalhada do Bahia para cima do Atlético-PR, a força do campeão Palmeiras na volta de Cuca e incertezas quanto ao futuro do São Paulo de Rogerio Ceni, Corinthians, Santos e, em especial, do Vasco. Acompanhe análise da primeira rodada que teve boa média de público – 17,5 mil em oito jogos – impulsionada pelas torcidas de Flamengo, Palmeiras e Corinthians.

“Tivemos muitas dificuldades para jogar em decorrência do campo. O Palmeiras é um time muito técnico e tivemos muitas dificuldades. Fizemos um bom primeiro tempo até tomarmos dois gols. Depois, quando quisemos jogar, fomos muito atrapalhados pelo campo. Acredito que o campo foi a grande dificuldade. Perdemos muitas bolas e demos o contra-ataque.”