Veja confrontos das oitavas de final da Eurocopa e a festa das torcidas

 

Cllh0s8WMAEQedC

euro_2016_logo_detailFutebol se rende à paixão das torcidas na Eurocopa 2016. Em todos os jogos da última rodada da primeira fase, encerrada nesta quarta-feira, estádios franceses transbordaram de emoção. Entre lágrimas e sorrisos e gritos tribais, torcedores festejaram uma simples classificação às oitavas de final como se fosse a conquista do título.

Simples classificação quando os envolvidos são os gigantes europeus, como Espanha, Alemanha, Itália e Inglaterra. Mas, quando se trata de seleções menores, a vida é outra.

O que dizer, por exemplo, da Islândia? Uma pequena ilha ao norte das Ilhas Britânicas, com  pouco mais de 390 mil habitantes, viu seu time se classificar no último minuto da partida contra a Áustria com a vitória por 2 a 1. O jogo estava 1 a 1 quando Trustason fez o gol histórico. Os “homens de gelo” chegavam às oitavas e celebraram a façanha com sua gente no Stade de France em Saint-Denis.

5115

Ao mesmo tempo em que os islandeses celebravam a classificação, Portugal também comemorava a passagem de fase. Aos braços de Cristiano Ronaldo, que, enfim, desencantou, os portugueses empataram por 3 a 3 com a Hungria e chegaram às oitavas.

Portugal esteve sempre atrás no marcador e teve de recorrer a Cristiano para não cair fora da Euro. O craque fez dois gols – o primeiro foi de Nani – e escreveu seu nome na competição que poder ia ser um pesadelo na sua história. É o primeiro jogador da Euro a fazer gols na últimas quatro edições da competição.

2004

Se Cristiano Ronaldo fez a festa, o mesmo não se pode dizer de Ibrahimovic. Vivendo a solidão de carregar a Suécia nas costas, o polêmico atacante sucumbiu. Seu time foi derrotado pela Bélgica por 1 a 0, gol de Nainngolan aos 39 do segundo tempo, e se despediu da Euro. Com a queda, Ibra anunciou a sua despedida da seleção sueca. É o fim de uma era a um grande jogador, que não teve ressonância nem melhor companhia nas últimas competições.

607118201_LB_7894_07609EC2FF9783D77AAC5C39103935DB_3397

Os belgas já estavam classificados quando entraram em campo para medir forças com a Suécia, um prêmio à geração que encanta o mundo, mas que ainda não colocou na grama bola magnífica aclamada no papel.

3832

Quem se desmanchou de tanto celebrar a classificação foram os irlandeses. Em um momento histórico do seu futebol, eles avançaram na Euro com a vitória por 1 a 0 contra os reservas da já classificada Itália. O gol foi de Brady, aos 40 minutos do segundo tempo.

3000-1

Ao final da partida em Lille os torcedores inundaram o estádio Pierre Mouroy de lágrimas. Uma catarse difícil de se repetir em outras comemorações. Comunhão total entre arquibancadas e os jogadores correndo para todos os lados no campo, sem saber onde estavam tamanha emoção.

Era outro dos momentos mais instigantes dessa dessa Euro, permeada de muita paixão nas torcidas, futebol razoável das seleções e alguns heróis improváveis como este Brady da Irlanda.

Veja os confrontos das oitavas de final da Euro:

Jogo 1: Suíça – Polónia, Sábado, 25 de Junho, 14h00 (St-Etienne)
Jogo 2: País de Gales – Irlanda do Norte, Sábado, 25 de Junho, 17h00 (Paris)
Jogo 3: Croácia – Portugal, Sábado, 25 de Junho, 20h00 (Lens)
Jogo 4: França – República da Irlanda, Domingo, 26 de Junho, 14h00 (Lyon)
Jogo 5: Alemanha – Eslováquia, Domingo, 26 de Junho, 17h00 (Lille)
Jogo 6: Hungria – Bélgica, Domingo, 26 de Junho, 20h00 (Toulouse)
Jogo 7: Itália – Espanha, Segunda-feira, 27 de Junho, 17h00 (St-Denis)
Jogo 8: Inglaterra – Islândia, Segunda-feira, 27 de Junho, 20h00 (Nice)

Imagens dos jogos desta quarta-feira (22/6)

IRLANDA 1 X 0 ITÁLIA

 

ISLÂNDIA 2 x 1 ÁUSTRIA

 

PORTUGAL 3 x 3 HUNGRIA

 

BÉLGICA 1 x 0 SUÉCIA

Anúncios