Cinco análises de futebol para você ler nesta sexta-feira (20/5) antes de dormir

24984734501_4a4c3cb056_o
Marcelo Oliveira, ex-Palmeiras, assume o Atlético-MG

No meio da tarde desta sexta-feira (20/5), o Atlético-MG anunciou a contratação do técnico Marcelo Oliveira, ex-Palmeiras e Cruzeiro. Ainda em Minas, o treinador português Paulo Bento faz sua estreia no Cruzeiro, neste sábado, no Mineirão. Em São Paulo, alguns jogadores do Corinthians estranharam a obrigação de dar explicações à torcida Gaviões da Fiel. Fora do futebol brasileiro, Pep Guardiola se despede do Bayern de Munique na decisão da Copa da Alemanha contra o Borussia Dortmund. E Tevez, quem diria, está fora da Seleção da Argentina na Copa América Centenário nos Estados Unidos.

DE VOLTA PARA CASA
Um dia depois de demitir o uruguaio Diego Aguirre, com a queda na Libertadores, o Atlético-MG recorre a Marcelo Oliveira, ex-jogador do clube e que começou sua carreira de treinador nas categorias de base do Galo.

Análise – Desde que fez fama com o bi do Brasileirão (2013 e 2014) no comando do Cruzeiro, Marcelo Oliveira entrou no panteão dos grandes técnicos do Brasil. Emprestou seu currículo ao Palmeiras e, mesmo com a conquista da Copa do Brasil (2015), não foi bem. Marcelo terá uma nova chance de provar que tem mesmo lugar entre os top do País. Elenco e jogador diferenciado, ele vai ter no Atlético. Se fracassar, vai virar um cometa.

VIDA PORTUGUESA
Tentativas frustradas com Vanderlei Luxemburgo, Mano Menezes e o aprendiz Deivid, o Cruzeiro deu uma tacada arriscada ao trazer o técnico Paulo Bento, aclamado em Portugal como um dos melhores do mundo. Sua estreia vai ser neste sábado contra o Figueirense

Análise – Assim como outros treinadores estrangeiros que vieram trabalhar no Brasil, Paulo Bento precisa de tempo para mostrar serviço. Não é fácil cair de para-quedas num clube brasileiro do tamanho do Cruzeiro, treinar o time apenas em uma semana e já apresentar o cartão de visitas. Se não tiverem paciência com o português, a chance de não dar certo é imensa.

COBRANÇA NO NINHO
Autorizados pelo comando do Corinthians, integrantes da Gaviões da Fiel foram ao CT do clube cobrar os jogadores, diante dos insucessos nos últimos jogos. Alguns atletas, como Guilherme, se sentiram constrangidos com a atitude dos torcedores e mais ainda com a aprovação dos cartolas que franquearam os portões do CT aos torcedores da facção organizada.

gazeta-press-foto-andre-corinthians

Análise – Nada de novo na vida do Corinthians. Desde os primórdios, a Gaviões da Fiel tem participação efetiva no dia a dia do time. Do Parque São Jorge ao novíssimo CT, essa torcida tem tido liberdade para exigir vitórias dos jogadores. Difícil de entender é a posição de Tite,  sempre muito zeloso do seu trabalho e cuidado com seus atletas. Em baixa, com os últimos resultados, o treinador baixou a guarda e a Gaviões emparedou os jogadores.Lamentável.

DESPEDIDA
Pep Guardiola comanda o Bayern de Munique neste sábado pela última vez. O jogo contra o Borussia Dortmund vale a taça da Copa da Alemanha. Em três anos no futebol alemão, Guardiola foi muito elogiado, mas também criticado por não ter dado uma Champions League ao poderoso Bayern.

Unknown-1Análise – A despedida de Guardiola deixa um vácuo no futebol alemão. O treinador espanhol poderia ter ficado mais tempo, não fosse as insistentes cobranças por um título da Champions. Não conseguiu, mas fez o Bayern mudar seu estilo, ao adotar um jeito mais bonito. É um legado. Na próxima temporada vai levar seus ensinamentos ao Manchester City. Sorte dos ingleses.

FORA DA COPA
O técnico Tata Martino, da Seleção Argentina, não chamou Carlitos Tevez para disputar a Copa América Centenário, em junho, nos Estados Unidos.

Análise – Tevez, de fato, não vive um bom momento no Boca Juniors. Anda meio entediado com o clube e o próprio futebol argentino. Pode mudar essa história se levar o Boca à conquista da Copa Libertadores. Sem Tevez, a Argentina perde um pouco do futebol agressivo no ataque. Mas é bom lembrar que Lionel Messi vai estar lá. Tevez não deve fazer falta.

Anúncios