Usain Bolt passou por aqui agora há pouco

ezSRY5LX

Usain Bolt cumpriu com sua obrigação como um imortal do esporte. Venceu os 100 m rasos, a prova mais importante da história da Olimpíada, e conquistou sua primeira medalha de ouro nos Jogos do Rio. Sua meta contempla mais duas douradas. É tricampeão olímpico. E isso explica tudo.

“Alguém disse que eu poderia ser imortal. Mais duas medalhas e eu posso dizer; ‘sou imortal’. Não fui tão rápido, mas estou muito feliz de ter vencido”, disse Bolt.

Homem mais rápido do mundo, o jamaicano fechou os 100 m na pista do Engenhão com o tempo de 9s81. A prata está no peito do norte-americano Justin Gatlin, maior rival de Bolt na prova, com o tempo de 9s89. E o surpreendente canadense Andre de Grasse levou o bronze, com 9s91.

Sorte do Rio poder festejar uma façanha como essa de Usain. Assim como Phelps, o jamaicano está entre nós para escrever seu último capítulo na história das Olimpíadas.  Bendito seja.

grNKBnzQ

Anúncios