Corinthians se esfarela com saída de jogadores e Cristóvão Borges sob ameaça

1232

Corinthians vai perder dois jogadores nesta janela de transferência no futebol europeu. Luciano, atacante em baixa no time, pediu para jogar no modesto Leganés, da Espanha, e Bruno Henrique, volante titular, tem proposta de clubes italianos. Diante da saída iminente dos dois e com o treinador Cristóvão Borges sob ameaça de cair, se não retomar a rota de vitórias, o atual campeão brasileiro pode embicar ladeira abaixo.

Insatisfeito no banco de reservas e pouco utilizado por Cristóvão, Luciano pode ser negociado por empréstimo com Leganés, promovido à Série A do Campeonato Espanhol nesta temporada.

Bruno Henrique, informa o site calciomercato.it, deve tomar o rumo do Palermo. Clube italiano oferece 3,5 milhões de euros (R$ 12,7 milhões). Titular com Tite desde a saída de Ralf, no início do ano, e também com o novo treinador, o jogador não descarta a transferência ao futebol europeu.

Se perder Bruno Henrique, Williams, encostado pelo técnico, jogaria ao lado de Elias, outro em descrédito com a torcida e louco para ir embora.

() SPO
André não tem vida fácil no Corinthians – Foto: Agência Corinthians

As duas eventuais baixas enfraquecem o Corinthians e complicam ainda mais a situação de Cristóvão. O treinador pede reforços. Dirigentes negam e insistem em dizer que o grupo é forte. Argumentam que o caixa está vazio e não há boas alternativas no mercado.

Sem opções, o técnico pretende sustentar o atacante André, detestado pela torcida, como seu centroavante titular. Conta ainda com a volta do velho Danilo, recuperado de lesão, e mais Romero, Lucca e Rildo como opções de ataque. Sem falar de dois jovens, Gabriel Vasconcelos e Isaac. Dão para o gasto?

Fora os problemas na linha de frente, o treinador promete mudar o time com a entrada de Guilherme e Marlone nos lugares de Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel. Convenhamos, seria seis por meia-dúzia.

marlone4
Marlene vira solução no time de incertezas

Diante desse quadro de penúria e de resultados ruins, a passagem de Cristóvão Borges deve ser abreviada no Corinthians.

Derrotas para Atlético-PR (2 a 0) e Grêmio (3 a 0) fora de casa e empate (1 a 1) contra Cruzeiro no Pacaembu preencheram o bilhete vermelho ao treinador. E será entregue diretamente a Cristóvão se o time não vencer o Vitória nesta segunda-feira (22/8) na volta ao Itaquerão.

Anúncios