Moisés, do Palmeiras, mas pode me chamar de De Bruyne, do City

Pep Guardiola se encantou com Kevin De Bruyne, o condutor do Manchester City, a ponto de dizer que apenas Lionel Messi está acima do belga. Analista mais atento aos movimentos deste extraordinário meia percebe como ele encontra soluções defensivas e ofensivas e arrasta o time com ele. Moisés também tem essa leitura do jogo e se tivesse o poder de finalização de De Bruyne entraria fácil na lista de selecionáveis de Tite.

Veja o que disse o The Guardian, um dos mais respeitados jornais do mundo, sobre o jogador belga:

The “De Bruyne é uma das luzes mais luminescentes neste lado espumante dos talentos. Ele levou Guardiola a o colocar abaixo somente Lionel Messi.”

Veja o disse Guardiola do seu jogador no City.

“Messi está sozinho. Em uma mesa ao lado de Kevin (De Bruyne) pode sentar-se. Ele é um jogador especial. Sem bola, é o primeiro lutador e, com ela, parece claro. Ele toma decisões certas a cada momento. Temos a sorte de ter Kevin conosco. Foi uma performance fantástica”, disse o treinador espanhol, após a vitória do City por 4 a 0 contra o Bournemouth pelo Campeonato Inglês, no sábado.

4928

De Bruyne tem 25 anos e já transitou entre o futebol inglês e alemão. Deve ser o condutor do City de Guardiola. Moisés tem 28 anos. Passou por América-MG, Sport e o futebol croata com as cores do Rijeka.

“Foram dois anos no Rijeka, disputamos a Liga Europa, fizemos partidas muito boas e fomos campeões da Copa e da Supercopa da Croácia 2014. Melhorei muito minha dinâmica de jogo, minha compactação e leitura dentro de campo. No futebol europeu você precisa ser mais rápido, mais ágil”, disse Moisés.

Sua atuação contra o Corinthians foi de galeria. A exemplo De Bruyne, foi o condutor do Palmeiras. Marcou, desarmou, armou e ainda fez o gol que abriu a vitória no clássico. E só não emendou uma sequência consagradora de jogos por sofrer com lesões no tornozelo.

“Não está fácil. Fiz infiltração no tornozelo para poder jogar as últimas partidas. Tenho quatro pinos no tornozelo e acho que no fim de ano vou ter de tirar para jogar sem dor”, disse Moisés.

SÃO PAULO 17/09/2016 ESPORTE CORINTHIANS X PALMEIRAS CAMPEONATO BRASILEIRO 2016

Veja o que Cuca disse do meia em agosto:

“Foi o melhor em campo (na vitória contra Atlético-PR fora de casa). Ele compôs, ganhou a primeira bola, fez a função de meia e segundo volante. Ele está se recuperando ainda, não está no ponto ideal, tanto ele como o Tchê Tchê. Quando eles estão em campo, nós ganhamos muito.”

Antes de o leitor ficar indignado com essa comparação, lembro apenas que é uma avaliação em cima do estilo de jogo de Moisés e De Bruyne, da semelhança física, da importância tática e técnica que têm para seus times e de admiração manifesta de Cuca e Guardiola. Quem gosta de futebol deveria acompanhar os passos desses dois jogadores. Conseguem aliar força, técnica e inteligência. Sorte do Palmeiras, sorte do City.

 

Anúncios